Se inscrever

header ads

Irmãs e prima que saíram para caminhada e desapareceram em Iguatu são encontradas

Uma das jovens estava com arranhões na perna e na região do tornozelo quando reapareceu — Foto: Arquivo pessoal
Três jovens, entre elas, duas adolescentes, desapareceram nesta terça-feira (7) após saírem de casa para fazer uma caminhada em Sítio Grossos, município de Iguatu, no interior do Ceará, e só foram encontradas na manhã desta quarta, após buscas das polícias Militar e Civil, Conselho Tutelar e do Corpo de Bombeiros.

De acordo o delegado Marcos Sandro, que acompanha as investigações do caso, um homem foi preso suspeito de ser o mandante do crime contra as garotas. Mais detalhes do que ocorreu vão ser divulgados nesta tarde. As jovens são duas irmãs de 19 e 14 anos, respectivamente, e uma prima de 16 anos.

Uma motocicleta abandonada, com registro de São Paulo, foi apreendida pela polícia próxima ao local do desaparecimento.

A mãe de duas das vítimas, disse em depoimento à polícia que ouviu um grito na direção em que as meninas estavam e achou que chegariam. "Eu esperei elas chegarem e elas não chegaram. Quando meu esposo voltou para casa começamos a ligar para todo mundo. Meu marido passou pelas meninas no caminho de volta. Eu creio que foi por maldade, intenção de coisas más com elas. Espero que quem fez não tenha feito o pior com minhas filhas", afirmou.

De acordo com a polícia, o ex-namorado de uma das jovens, se apresentou na Delegacia Regional de Iguatu e relatou que não está envolvido no desaparecimento. Segundo familiares, o casal terminou o relacionamento em fevereiro de 2020, mas a polícia descobriu nesta tarde que ele foi o mandante de um sequestro contra as meninas.

Um primo das vítimas, contou que voluntários se reuniram para auxiliar nas buscas. "A gente juntou uma equipe de homens e estamos vasculhando as matas aqui. Elas nunca tinham passado tempo fora de casa. A gente está muito aflito", disse. (Por G1 CE).

Acompanhe “Foco Pé Na Cova”: com as principais ocorrências policiais de Água Nova e região: No Instagram: AQUI– No facebook: AQUI – No youtube: AQUI

Enviar um comentário

0 Comentários