VÍDEO! Um ano depois, familiares das cinco vítimas da tragédia de José da Penha ainda clamam por justiça

Após pouco mais de um ano de uma das maiores tragédias da região do Alto Oeste do Rio Grande do Norte, familiares das cinco vítimas que morreram no acidente provocado pelo empresário Francisco Gladyson Jácome Sarmento ainda clamam por justiça. Confira o vídeo no final desta reportagem!

Os processos – penal e cível – tramitam desde o dia 24 de agosto de 2019, data do fato ocorrido no quilômetro 179 da BR 405, próximo ao município de José da Penha.

Morreram no acidente as seguintes pessoas: Fabrício Gonçalves da Costa, 16 anos; Ryan de Almeida Araújo, 18 anos; Fernando Fernandes Fontes, 21 anos; Edimar Lima Morais, 41 anos e José Loide Fontes do Rêgo, 58 anos.

Mães, filhos e pai dos mortos lamentam que o empresário, que reside em Sousa, Sertão da Paraíba, esteja em liberdade enquanto eles permanecem sofrendo com a perda dos seus entes queridos.
Ao Blog do Levi, Maria Aparecida Fernandes de Morais, Jucieldo Pontes do Rêgo, Maria Vancicleide Vieira da Costa, Antônio Lindomar de Araújo Morais e José Pires de Araújo relataram o sofrimento que passam devido a tragédia, o fato do réu encontrar-se em liberdade e a demora do Poder Judiciário potiguar em apurar as ações que visam penalizar o causador do acidente e deferir as indenizações por danos morais e materiais.

O outro lado

Ao ser procurado pelo blog, o advogado de defesa do empresário disse que após a pandemia do novo coronavírus seu cliente manifestará a intenção de fazer um acordo com as família das vítimas. “Nós estamos tentando discutir uma possibilidade de acordo. Estamos abertos ao diálogo”, disse Dr. Ozael da Costa Fernandes.

Fonte: Blog do levi

Enviar um comentário

0 Comentários