Se inscrever

header ads

Polícia prende suspeito de matar companheira de 15 anos e ligar para os pais dela para contar sobre o crime no RN

Crime aconteceu no dia 27 de maio. Maria Letícia foi encontrada morta com um tiro no rosto no quarto da casa onde morava com o companheiro um dia após ter feito aniversário.

Maria Letícia da Costa, de 15 anos foi morta a tiros pelo marido na cidade de Assú — Foto: reprodução

A Polícia Civil prendeu um homem de 27 anos suspeito de matar a companheira de 15 anos, no mês de maio, no município de Assú, na Região Oeste do Rio Grande do Norte. Após assassinar Maria Letícia da Costa, de 15 anos, com um tiro, o suspeito ligou para os pais dela para contar sobre ocrime.

O homem foi detido na segunda-feira (16) durante a Operação Debutante, comandada pela Delegacia Municipal de Assú. O suspeito estava escondido no bairro Meus Amores, na própria cidade.

Para chegar ao suspeito, a polícia recebeu denúncias anônimas. Durante as diligência, os policiais encontraram o suspeito na casa com um outro homem. Na casa, foram encontrados balança de precisão, cocaína e dinheiro fracionado.

Além do cumprimento do mandado de prisão por feminicídio, o suspeito foi atuado em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico - o comparsa também vai responder por essas duas últimas acusações.

Os suspeitos foram encaminhados para a Cadeia Pública de Mossoró, onde estão à disposição da Justiça. A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181 ou pelo número da Delegacia Municipal de Assú: (84) 99992-2122.

O crime

O crime ocorreu na noite do dia 27 de maio. Maria Letícia foi morta a tiros dentro do quarto da casa em que morava com o companheiro, no bairro Parati 2000, em Assú. A bala, disparada de uma pistola calibre 765, atingiu o rosto da jovem.

Logo após o crime, o suspeito ligou para a família da adolescente para informar do crime. A pistola usada no crime foi encontrada ao lado do corpo. Maria Letícia havia completado 15 anos um dia antes de ser morta.

Fonte: G1 RN



Enviar um comentário

0 Comentários