Polícia Civil e MP apreendem celulares de suspeito de armazenar pornografia infantojuvenil no RN

Operação 'Arcanjos' investiga se suspeito agia sozinho ou tinha companhia. Material será analisado pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).

MP e Polícia Civil deflagraram operação "Arcanjos" de combate a pornografia infantojuvenil na manhã desta terça (18). — Foto: Cedida/ MPRN

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e a Polícia Civil cumpriram um mandado de busca e apreensão nesta terça-feira (18), em Natal, durante uma operação que investiga o crime de pornografia infantojuvenil.

O cumprimento se deu na casa de um homem, que é suspeito de armazenar conteúdo pornográfico envolvendo crianças e adolescentes. O imóvel fica em um bairro - não revelado pelas autoridades - na Zona Sul de Natal.

A operação foi denominada “Arcanjos”. No local, foram apreendidos aparelhos telefônicos, computadores, pen drives e outros eletrônicos capazes de armazenar fotos, arquivos de áudio e vídeo, além de mensagens escritas.

As investigações conjuntas do MPRN e da Polícia Civil apontam que o suspeito baixava vídeos da internet com conteúdo pornográfico envolvendo crianças e adolescentes.

Durante a operação "Arcanjos" foram apreendidos aparelhos telefônicos, computadores, pen drives e outros eletrônicos. — Foto: Cedida/ MPRN

O MPRN e a Polícia Civil também investigam se o suspeito agia sozinha ou se teria ajuda de outras pessoas para o cometimento dos crimes.

O objetivo a operação é combater o crime de armazenamento de conteúdo pornográfico infantojuvenil, previsto no Estatuto da Criança e Adolescente (ECA).

O material apreendido será encaminhado ao laboratório forense computacional do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do MPRN, para ser analisado.

g1 RN



Enviar um comentário

0 Comentários